Traumatismo crânio-encefálico

gehirnerschuetterung-1-640x427.jpg

O Traumatismo crânio-encefálico (TCE) é uma agressão cerebral provocada por uma força externa e resulta numa incapacidade temporária ou permanente 

Os sintomas podem variar de acordo com a gravidade da lesão e a fase de recuperação. Logo após a fase aguda pode surgir convulsões, contracturas, espasticidade, perturbação da visão, do olfacto, tonturas ou vertigens. Os sintomas tardios comuns incluem défices de memória, atenção, cefaleias, perturbação dos ciclos de sono/vigília, labilidade emocional, apatia, depressão, fadiga, impulsividade, ansiedade, desinibição socia motor.

As limitações funcionais envolvem transtornos motores, com dificuldade na mobilidade e/ou nos auto-cuidados, em consequência dos défices motores, de coordenação e de planeamento das actividades. Poderão surgir alterações comportamentais, com mudança de personalidade e relações inter-pessoais. Frequentemente os doentes serão incapazes de retomar a actividade profissional ao seu nível económicas e nos relacionamentos familiares.

Objectivos de um programa de reabilitação:

 

  • Reeducação sensitivo-motora

  • Alívio da dor e da espasticidade

  • Treino das perturbações da fala, deglutição, visão, alterações cognitivas

  • Recondicionamento físico geral

  • Treino funcional e das Actividades do Dia-a-Dia

  • Melhoria da marcha , equilíbrio e coordenação 

  • Prevenção de posturas viciosas e contracturas

  • Ensino ao doente e familares 

  • Ensino e aconselhamento de produtos de apoio (ortóteses, talas, etc)

  • Retorno às actividades laborais, vida quotidiana e actividades desportivas